CCAH

ACORES-03-0752-FEDER-000005 – Azores Atlantic Hub

  • Desde 18 de Julho de 2014 a 30 de Novembro de 2017
ACORES-03-0752-FEDER-000005 – Azores Atlantic Hub

»» DESCRIÇÃO DO PROJETO:

Estudos efetuados, entre 2010 e 2014, apontam para a existência, no mercado de serviços de transporte marítimo em contentores e de terminais de contentores no Atlântico Norte, de um espaço para a realização de um projeto inovador e que corresponde aos objetivos estratégicos definidos no PO Açores 2020 e na Estratégia de Especialização Inteligente RIS3.

A instalação de um terminal de contentores de transhipment nos Açores é uma solução técnica inovadora que vem dar resposta a problemas concretos no transporte marítimo entre a América do Norte e a Europa e, ao mesmo tempo, corresponde a objetivos políticos a diferentes níveis: do Governo da Região Autónoma dos Açores, do Governo da República, da Comissão Europeia e dos Governo dos Estados Unidos da América e do Canadá no quadro do TTIP (Transatlantic Trade & Investment Partnership).

O projeto a desenvolver, consiste na elaboração de um plano detalhado de implementação de um Hub Logístico nos Açores e elaboração de peças constituinte de um projeto de investimento (económico-financeiro) para apresentação aos órgãos de financiamento competentes, a identificar durante o projeto. Em resumo, pretende-se demonstrar a viabilidade técnica e financeira do hub, bem como as suas vantagens ao nível estratégico para a Região, abordando diversas temáticas, nomeadamente:
•    Previsão de Tráfego e Redimensionamento Territorial, em que se pretende uma caracterização geral do modelo de funcionamento do terminal de contentores e a definição de diretivas e informação de base para a elaboração do projeto preliminar de engenharia;
•    Estudo Preliminar de Engenharia, com vista à determinação da viabilidade técnica do hub, a determinação dos principais equipamentos necessários à operação e obter um cronograma de construção/implantação, bem como um anteprojeto de obra portuária;
•    Estudo de Alternativas de Financiamento com o objetivo de identificar linhas de financiamento, alternativas e melhores opções e dos requisitos e procedimentos para obtenção de financiamento;
•    Análise Legal / Regulamentar para aferir as alterações legais e/ou regulamentares necessárias de implementação do projeto;
•    Estudo Económico-financeiro de rentabilidade e viabilidade do investimento;
•    Diagnóstico, Planeamento da Comunicação e Mobilização de “Stakeholders”, pretendendo-se comunicar eficazmente a mensagem que assegure o apoio, politico e financeiro e a potenciação dos benefícios do projeto;
•    Definir principais serviços portuários a serem prestados localmente para as linhas marítimas internacionais;
•    Definição de plano de necessidades e qualificação de recursos humanos;
•    Identificação de impactos sociais e ambientais.

»» OBJETIVOS:
Com a implementação deste projeto espera-se alcançar os seguintes objetivos:
- Desenvolvimento da economia regional com base em potencial exógeno;
- Captação de investidores para desenvolver a localização de um hub atlântico nos Açores, que permita aumentar a eficiência e economia de
transporte de contentores entre os portos em ambos os lados do Atlântico;
- Atração de atividades/serviços de apoio às linhas marítimas;
- Avaliação de Benchmarking para as empresas e empreendedores com interesse em devolver em atividades de valor acrescentado nos fluxos
internacionais;
- Previsão dos impactos nos custos de contexto da região;
- Diversificação dos pontos de abastecimento e exportação dos Açores.
- O interesse do projeto vai de encontro com o Eixo 8 das medidas a adotar pelo GRA previstas no âmbito do PREIT, nomeadamente o reforço da
necessidade de dinamizar e dotar o Porto Oceânico da Praia da Vitória de novas atratividades e benefícios muito específicos, de forma potenciar
a captação de investimento externo.

»» OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
- Promoção/comunicação a nível nacional e internacional, de forma a assegurar o envolvimento e manifestação de interesse por potenciais
candidatos à exploração da infraestrutura e uma comunicação eficaz de uma mensagem que assegure o posicionamento dos Açores como
plataforma atlântica;
- Preparar os empresários para os novos desafios consequentes da implementação do Hub, envolvendo as mesas setoriais na identificação de
oportunidades de negócio e na captação de interesse empreendedor por parte dos agentes económicos em atividades de valor.


»» INDICADORES DE REALIZAÇÃO:
3 Ações de Promoção Externa, nomeadamente duas em Bruxelas e uma em Cantão.

»» CUSTO TOTAL ELEGÍVEL: 266.100,39€

»» COMPARTICIPAÇÃO FEDER: 226.185,33€

»» CONTRAPARTIDA PÚBLICA REGIONAL: 39.915,06€